HFT- High Frequency Trading (Negociação em Alta Frequência)

10 14Nas últimas poucas décadas a negociação de ações e títulos financeiros tem crescentemente sido conduzida de forma automatizada. Muitos mercados abraçaram o livro de ordem eletrônico como uma funcionalidade fundamental para seus modelos de mercado, e abandonaram a intermediação humana.

Avanços no poder computacional, na tecnologia de comunicação e na capacidade de programação têm oferecido novas ferramentas para decisões de investimento, execução de negociações e gestão de risco. As tecnologias de informação e comunicação – TICs são agora tanto parte essencial da microestrutura dos mercados financeiros como do seu arcabouço regulatório. Elas facilitam a execução de complexas estratégias e aumenta a velocidade de negociação. Enquanto competentes autoridades reconhecem os benefícios associados com avanços na tecnologia, o uso e o impacto da negociação automatizada e o HTF- High Frequency Trading (Negociação em Alta Frequência) certamente colocam desafios e necessitam monitoramento de forma a identificar e enfrentar os riscos para a eficiência e a integridade dos mercados.

O HFT é um dos desenvolvimentos chave emergindo dos avanços tecnológicos. Sua origem pode ser traçada ao início deste milênio, e é parte de uma longa tendência em direção à automação das negociações. No entanto, nos últimos anos tem se tornado uma característica quantitativamente significativa dos modernos mercados financeiros.

Não é fácil definir o HFT. Ele é frequentemente igualado à negociação algorítmica (isto é, baseada em software). No entanto, enquanto o HFT é um tipo de negociação algorítmica, nem todas as formas de negociação algorítmica podem ser descritas como de alta frequência. A negociação algorítmica antecede o HFT e tem sido usada extensivamente como uma ferramenta para determinar alguns ou todos os aspectos da execução da negociação, tais como timing, preço, quantidade e lugar. A negociação algorítmica é usada por muitos intermediários para suas próprias negociações proprietárias, ou oferecida para seus clientes e tem também se tornado um padrão em muitas empresas buy-side (do lado da compra), principalmente com o propósito de executar estratégias que minimizem o impacto-preço ou para rebalancear grandes portfólios de ações e títulos à medida que as condições de mercado mudam.

Todavia, um número de características comuns e caraterísticas de negociação relacionadas com HFT podem ser identificados: a) ela envolve o uso de ferramentas tecnológicas sofisticadas para perseguir um número de estratégias diferentes, indo do ‘market making’ até a arbitragem; b) é uma ferramenta altamente quantitativa que emprega algoritmos ao longo de toda a cadeia de investimento: análise dos dados do mercado, emprego de estratégias apropriadas de negociação, minimização e custos de negociação e execução de acordos; c) é caracterizado por uma alta movimentação diária de portfólios e taxas de ordens para negociação (ou seja, um grande número de ordens é cancelado em comparação com as negociações executadas; d) ela usualmente envolve posições ‘flat’ ou ‘near flat’ (ou seja, se um trader vende US$ 100 e então compra US$ 100, então ele cria uma posição neutra ou ‘flat) ao final de um dia de negociação, significando que pouco ou nenhum risco é conduzido na virada na noite. Com poupanças óbvias no custo do capital associado com posições marginais. Posições são frequentemente sustentadas a poucos segundos ou frações de segundo; e) ela é muito empregada por empresas de negociação proprietária ou mesas; e, f) ela é sensível à latência. A implementação e execução de estratégias HFT dependem crucialmente da habilidade de serem mais rápidas do que os competidores e em levar vantagem nos diferentes serviços, tais como o acesso direto eletrônico e co-location (colocação).

O HFT foi recentemente posto nas ‘vitrines’ internacionais depois do lançamento (no final de março próximo passado), pelo escritor americano Michael Lewis, do livro ‘Flash Boys(ver também este vídeo em que o autor é entrevistado). Neste livro o autor defende a tese de que o ‘US stock market is rigged’ (as bolsas de valores dos EUA estão sendo manipuladas). E no epicentro de suas acusações está o HFT!

Não queremos fazer juízo de valor sobre a tese do escritor Michael Lewis; apenas gostaríamos de chamar a atenção para as profundas e rápidas transformações que estão ocorrendo no mercado financeiro mundial por conta da aplicação de ferramentas de TICs, para as quais devemos estar atentos!

Se sua empresa, organização ou instituição deseja saber mais sobre HFT, fique a vontade para nos contatar!

Creativante 2017 - Todos os direitos reservados