Planejamento Estratégico e Planejamento de Cenário: um breve panorama!

17 16Nas últimas décadas o ambiente corporativo vem sendo bombardeado por uma série de conceitos (tais como Planejamento Estratégico, Gestão Estratégica, Balanced Scorecard-BSC, Alinhamento Estratégico, Planejamento de Cenários, Desenvolvimento de Cenários), além de ferramentas tecnológicas de gestão (tais como ERP- Enterprise Resource Planning, CRM- Customer Relationship Management, BPM- Business Process Management, e por aí vai).  Muito dinheiro vem sendo gasto pelas empresas para adotar novas técnicas de gestão, mas os resultados práticos nem sempre são aqueles esperados.

Dois destes conceitos/técnicas, Planejamento Estratégico e Planejamento de Cenário (ou Cenarização) vêm sendo amplamente aplicados de diferentes formas em diferentes contextos, e muitas vezes isso vem sendo realizado sem que seja possível atentar para o efetivo potencial de integração destes importantes enfoques. Mas para que isso seja possível, antes de tudo se faz necessário apontar as principais características de cada um.

O Planejamento Estratégico é mais conhecido no mercado como um processo de definir a estratégia de uma organização, ou sua direção, bem como a tomada de decisões em alocar seus recursos para perseguir essa estratégia (a literatura sobre estratégia e sobre gestão de estratégia é vasta e não iremos cobrir neste curto espaço).  Já o Planejamento de Cenário é uma maneira estruturada sobre como uma empresa ou organização pensa sobre o futuro.

O planejamento nas empresas visando melhorias ou inovações geralmente é conduzido em reuniões com equipes de colaboradores (comumente mais próximos da Direção), e isso é crucial para o sucesso empresarial. A melhoria no desempenho depende de melhores comportamentos e decisões. Melhores comportamentos e decisões dependem de melhores insights (discernimentos) e ideias, e estas dependem de um pensamento mais elaborado.

Levando-se em conta que o planejamento das operações regulares da empresa é pensado dentro de um prazo de até um ano, que o Planejamento Estratégico é pensado para o intervalo de 1 (hum) até três anos, e que o Planejamento de Cenário pode cobrir de 1 (hum) até dez anos, podemos visualizar as diferenças entre estes dois últimos planejamentos a partir das habilidades das equipes da empresa, observando tanto pelo foco quanto pelo sentido imaginado para os planejamentos, como apontado na Figura 1 à frente. Importante salientar que a colaboração entre as equipes é essencial, e que produzir boas decisões, com bom suporte das equipes, necessariamente leva a bons negócios.

Definido o ambiente apropriado para o desenvolvimento das atividades (o que inclui salas convenientes e material apropriado), o Planejamento Estratégico é conduzido a partir de contextos para responder pelo menos dez questões centrais sobre a empresa ou organização: 1- Missão (quem somos nós, o que fazemos); 2- Princípios e Valores (como nós trabalhamos); 3- Visão (onde desejamos estar num horizonte dado); 4- Scoreboard (medidores de sucesso); 5- Ambiente de negócio (fatores impulsionadores ou restritivos); 6- Metas (o quê fazer); 7- Estratégias (como chegar lá); 8- Planos de ação (meios para atingir os objetivos); 9- Considerações sobre o plano de implementação (orçamento, comunicação, etc.); 10- Considerações sobre o plano de monitoramento (critérios para monitorar o desenvolvimento).

O Planejamento do Cenário ajuda a imaginar, e considerar, um número de futuros plausíveis, e isso pode ser atingido ao se preparar um ambiente na empresa para perseguir as seguintes etapas: 1- Identificação da questão/problema ou a decisão a ser tomada; 2- Listagem de fatores chave; 3- Listagem das forças motrizes; 4- Ranking das listas combinadas dos principais fatores por importância ou incerteza; 5- Seleção da lógica do cenário (geralmente um diagrama de quadrantes com narrativas de estórias plausíveis, separadas, detalhadas de cada cenário); 6- Descrição de cenários com fatores e forças remanescentes; 7- Identificação das implicações dos cenários nas decisões; 8- Seleção de indicadores líderes para serem monitorados para saber se um cenário está se firmando.

Tendo observado essas diferenças, a questão que fica em aberto é a de saber como é possível estabelecer um Planejamento Estratégico a partir de um enfoque baseado em Cenários. Outra questão também importante é aferir como essa relação se processa quando a empresa, ou organização, está estruturada a partir de ferramentas de sistemas de informação, tais como ERP, CRM, BPM, e por aí vai. Mas este é um tema para outra oportunidade!

Se sua empresa, organização ou instituição deseja saber mais sobre Planejamento Estratégico ou Planejamento de Cenário, não hesite em nos contatar!

 

l17F1

 

banner

Creativante 2017 - Todos os direitos reservados